CONTATOS

CONTATOS
Tia Joaninha

sexta-feira, 20 de abril de 2012

BABÁ ? EU?

Escrito por Flávia Grégio
Muitos pais pensam que a professora fica apenas distraindo ou “vigiando” a criança enquanto os pais assistem tranqüilamente o culto;
Vêem as professoras como uma irmãzinha legal que faz o “favor” aos pais em tomar conta de seus filhos para que eles sejam cheios do espírito santo de Deus.
O professor do Departamento Infantil deve ser uma pessoa separada por Deus para que esteja caminhando com a criança , afim de ajudar os pais, reforçando o ensino bíblico.
Trabalhar com crianças, como em outros ministérios, requer chamado, unção de Deus e preparo, pois temos plena consciência de que quando trabalhamos com bebês e crianças no modo geral estamos não só influenciando vidas, mas ajudando a formá-las.
Não basta cantar corinhos,fazer coreografias, e contar histórias .O professor da Escola Bíblica Infantil (sim, professor, e não mais “cuidador”) deve ser preparado para lidar com crianças da faixa etária, promovendo o inicio do conhecimento das Sagradas Escrituras e Intimidade com Deus com historinhas Bíblicas e músicas/ louvores, tornando-as desde cedo servos verdadeiros do Senhor. Por tudo isso, o departamento infantil pouco tem a ver com o trabalho de uma babá, pois afinal, somos ministras de Crianças, e não babá! Que ministra o amor de Deus, a cura, a unção.
O professor não é totalmente responsável pela educação cristã das crianças. Podemos dizer que ele é um facilitador, que ensina de forma didática e lúdica.
O professor precisa andar “ombro a ombro” com os pais, a fim de que OS DOIS juntos, unidos e com o mesmo propósito possam ver o pequenino crescer espiritualmente.
Mas por que muitos pais pensam assim?
  • Porque tem professores que se comportam como tal
  • Não ensinam verdades bíblicas para as crianças
  • Cantam musiquinhas de “ roda”, mas não hinos
  • Mandam as crianças desenhar em folha em branco, e quando termina manda desenhar do outro lado.
  • Quando a mãe pergunta o que aprendeu, a crianças diz: Nada, ficamos brincando.
  • Tem professores que ficam “batendo papo” na sala, enquanto as crianças “ se batem”
  • Não preparam lições bíblicas, levam DVD da DISNEY porque é mais cômodo.
Vamos olhar no dicionário a diferença (escrita) das duas palavras:
Babá: Ama-seca, criatura que cuida de crianças sem as amamentar.
Quando li estas palavras, pensei logo: Cheguei onde queria! Realmente, eu confirmei que não somos babás!
A babá apenas cuida de criança, não as dão o leite. Ao contrário de nós, estamos dando ás crianças o leite genuíno (leite espiritual),a palavra de Deus, como diz em I Pedro 2:2 que “Sejam como criancinhas recém-nascidas, desejando sempre o puro leite espiritual, para que, bebendo dele, vocês possam crescer e ser salvos.” Podemos dizer, que somos AMA DE LEITE ESPIRITUAL, esta é a definição correta.


Leia mais: http://flaviagregio.webnode.com.br/baba-eu-/
Crie seu site grátis: http://www.webnode.com.br

SOU UM ADORADOR

OS DEZ MANDAMENTOS DO ADORADOR

1 - Não terás outra atividade que ocupe a importância do culto em tua vida.
O crente que falta aos cultos perde bênçãos espirituais.

2 -
Não farás do culto uma festa profana. Um vez que o crente está na casa
do Senhor e em sua presença, deve portar-se com o máximo de reverência.
E dignidade; deve permanecer no mesmo lugar até o final do culto.

3 -
Não tomarás o lugar de simples expectador. O culto não é um espetáculo;
é comunhão dos salvos com seu Salvador: tua atitude de intercessão e participaçãonos cânticos e leituras é indespensável.

4 - Lembre-te da pessoa que cultua ao teu lado. Procura ajudar o irmão ou amigo que está próximo de ti; pode ser uma alma aflita, atravessando problemas,
sedenta por ajuda, necessitando de orientação.

5 -
Honra teu Pai Celestial, colocando a melhor roupa, o traje mais digno participando reverentemente do culto, desde o Prelúdio até o Poslúdio.

6 - Não matarás o entusiasmo de teu irmão. Aquele que está a frente apresentando qualquer parte do culto necessita de atenção e reverência de todos. Enquanto o irmão está a frente, não fique rindo, dormindo, conversando ou alheio.

7 - Não adulterarás o propósito do culto com tuas conversas. Participando do culto, o adorador está na presença de seu Deus. O crente que conversa no
culto está revelando sua imaturidade e a falta de capacidade para usufruir plenamentes bênçãos da presença Divina.

8 -
Não furtarás o dízimo do Senhor. A Igreja tem compromissos que só deverão ser cumpridos com a participação honesta e responsável de cada adorador.
9 - Não dirás falso testemunho de tua Igreja. Aquele que se acupa em ver e comentar pontos negativos está perdendo a melhor parte.

10 - Não cobiçarás as funções ou Dons do teu próximo. Não é a falta de
função formal que impede o crente de trabalhar; O Senhor nos tem concedido
dons de acordo com nossa própria capacidade.


Leia mais: http://flaviagregio.webnode.com.br/os-dez-mandamentos-do-adorador/
Crie seu site grátis: http://www.webnode.com.br

quarta-feira, 18 de abril de 2012

PROJETO FAMILIA



PROGRAMAÇÃO

1-    CULTO – Família mão

2-    CULTO – Sou filho legitimo

3-    CULTO – O filho legitimo honra seu pai

4-    CULTO – O filho legitimo da testemunho de seu pai

5-    CULTO – O filho legitimo cuida bem dos talentos que recebeu

6-    CULTO -   Como filho devo aprender a crer

7-    CULTO -  Como filho devo aprender a obedecer

8-    CULTO -  o reencontro de uma família com Cristo



PERÍODO DE CÂNTICOS:

Escolha cânticos relacionados à lição

Visualize-os em cartolina ou papel cartão

Cante os na chegada e na saída e repita sempre no culto seguinte.





MEMORIZAÇÃO DE VERSÍCULOS

VERSICULO DO PROJETO:

Eu e minha casa serviremos ao Senhor   ( Js 24:15 )

 atenção ao ensinar os versículos:
.1. Leia o versículo diretamente de sua Bíblia
2. Explique as palavras difíceis e repita-os várias vezes
3. Explique o versículo, ou seja, aquilo que eles vão colocar em pratica
4. Repita-o usando maneiras diferentes de memorização e sempre fale a referência

Incentivando a Memorização
Procure ensinar o versículo logo no princípio, depois do louvor.
Ensine também no meio da lição, pois sempre há um ponto onde deve se ensinar o versículo..
palavras do verso e letreiros.
 
Métodos que podem ser usados:

*Varal Quebra-cabeça. *Vareta *Cartazinho *Jogral   *Teatro
*Versículos ilustrados.

FAMILIA MÃO

Cada membro da Família é importante

Objetivo: Levar a criança a reconhecer que cada membro da sua família é importante.

Versículo: Um ao outro ajudou e ao seu companheiro disse: Esforça- te! Isaias 41:6

Introdução

Polegar, indicador, médio, anelar e mínimo são os nomes dos cinco componentes da família da mão. Como se diz: “está na cara que são da mesma família”. Todos se dão muito bem e fazem muitas coisas juntos.



No entanto, certo dia, o dedo médio achou que ele era mais importante que os outros dedos.

Afinal, era o maior, o do centro e, por isso, pensava que seu trabalho era governar e tomar as decisões por todos.

O dedo indicador não aceitou essa idéia e protestou:

- Jamais o dedo médio poderá ser o nosso governante, isso cabe a mim. Eu, por natureza sou líder! Vejam bem: sou eu quem aponta quando algo não está certo. Numa briga, todos os outros dedos se recolhem e se dobram. Mas eu fico firme, acusando e defendendo.

- Alto lá!- gritou o dedo anelar. Se existe alguém mais importante que os outros, então sou eu.

Afinal, é em mim que colocam o famoso anel de ouro, mais conhecido como aliança. Esta honra só pode ser dada ao dedo mais importante.



O dedo polegar também manifestou o seu pensamento:

- A importância de cada um, se julga pela força e vigor. E nisto vocês devem reconhecer que me sobressaio. O agricultor, por exemplo, não consegue segurar o cabo da enxada sem mim.



O dedo mínimo, depois de Ter ouvido seu irmão polegar falou:

- Tamanho não é documento, pois se eu não segurasse a lã para tricotar a as luvas, estariam todos congelados, sem capacidade para nada.



E, assim, a briga estava armada, após muita gritaria, encontraram outra família de dedos e se cumprimentaram com um forte aperto de mão.



Então, reconheceram que todos são importantes, apesar de terem funções e qualidade diferentes. Reconheceram, também, que todos são necessários e que um serve para completar o outro.

E para viver em harmonia deve existir igualdade, respeito, amor e compreensão.



Odila Viani Hennig Schwalm



O filho legitimo honra seu Pai

Recepção: Receba suas crianças com alegria, conheça os visitantes, incentive a trazerem seus amigos para compartilharem desta comunhão.
Momento de oração: Ore e agradeça a Deus, abençoando aos presentes, suas famílias e os que faltaram.
Versículo.
Todas estas bênçãos virão sobre vocês e os acompanharão, se vocês obedecerem ao Senhor, o seu Deus: Deuteronômio 28.2

Objetivo: levar a criança a reconhecer que como filhos devemos honrar a Deus e aos nossos pais.

Introdução: Quando lemos sobre a parábola do filho pródigo, vimos que os filhos daquele homem tinham dois comportamentos diferentes: um saiu de casa e gastou toda a fortuna que o pai lhe havia dado, passando fome, mas se arrependeu e voltou para casa, pedindo perdão ao seu pai; o outro, apesar de estar na casa do pai, não tinha comunhão com ele, não desfrutava das coisas que tinha. Dessa forma, nenhum dos dois honrava o pai.

Hoje veremos que um filho legítimo honra o seu pai em todo o tempo. E o que é honrar? O dicionário diz que honrar é respeitar, é dignificar. Como um filho honra seu pai? Vamos ver.

Mensagem: Na parábola do filho pródigo, o filho mais novo gastou toda a herança que seu pai tinha lhe dado com festas, bebidas, etc. Não se importou em cuidar daquilo que seu pai, com trabalho e sacrifício, tinha guardado para ele. Isso é desonrar alguém que o ama. Muitas vezes, nós, como filhos de Deus, agimos da mesma maneira com nosso Pai. Não cuidamos das coisas do Senhor, nem mesmo da Sua casa ou do Seu nome.

Como filhos, entramos na casa do nosso Pai com chiclete, chocolate, biscoito, refrigerante, jogamos lixo no chão, sujamos o templo, colocamos os pés em cima das cadeiras, riscamos as portas e paredes dos banheiros, gritamos, corremos, não importa se tem culto ou não. Essa não é a atitude de um filho que honra seu pai. Demonstramos, com esse comportamento, que não nos importamos em agradar o coração do Pai e temos um comportamento semelhante ao do filho pródigo.

Ou então, agimos como o filho mais velho: está em casa, trabalha para o pai, mas está distante dele. Muitas vezes, estamos na casa do Senhor, estamos no culto infantil, mas nem nos importamos se Ele está ali ou não. Na hora do louvor ou da adoração estamos conversando com quem está do lado, na hora da ministração da Palavra vamos dar uma voltinha lá fora, na lanchonete, não obedecendo aos professores etc. Como o filho mais velho, temos o Pai, mas não usufruímos a Sua presença e nem aquilo que Ele tem preparado para nós, as Suas promessas para as nossas vidas.

O filho legítimo, que ama o seu pai, respeita-o, honra-o, dá alegria, obedece. E aquele que honra os pais é abençoado.
E então? Já entendeu como deve ser o seu comportamento, se você realmente ama o seu Pai?
Isso mesmo! É preciso ter reverência na casa d'Ele. Ter reverência não significa ficar de cara fechada, sem poder se mexer ou falar, mas sim com respeito e temor ao Pai, sabendo que dentro da Sua casa não é lugar de bagunça, sujeira, desobediência. Você gosta que as pessoas se comportem assim na sua casa? Certamente não, nem o seu Pai.
C3

VAMOS FAZER OS PERSONAGENS DA NOSSA HISTORIA?

O Corpo pode ser feito de rolinhos de papel higiênico a cabeça desenhe com cartolina ou eva...
Sua historia ficará linda! E as crianças ficarão encantadas.
 


O filho Legitimo dá testemunho de seu pai



Objetivo: Ensinar a criança que como filhos de Deus deveram dar testemunhos de cristãos verdadeiros para o mundo.

Introdução: Aprendemos que o filho legítimo honra ao seu pai, tem prazer em estar em sua companhia e procura fazer tudo para agradá-lo.
Nessa semana que passou você procurou se esforçar para honrar o seu Pai que está no céu? Eu creio que sim. E creio, também, que seu Paizinho deve estar muito feliz com você.

Principio Bíblico: "E sereis minhas testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra." Atos 1:8b

Mensagem: Hoje vamos conversar a respeito de algo muito importante que o Senhor nos fala em Sua Palavra sobre o nosso comportamento como Seus filhos aqui na Terra.

Em Atos 1:8, vemos algo muito interessante que Jesus falou aos seus discípulos: que eles seriam suas testemunhas.

O que é uma testemunha? É a pessoa que viu ou ouviu alguma coisa e é chamada para contar exatamente o que viu ou ouviu. Então testemunha é aquela pessoa que vai transmitir, sem acrescentar ou tirar qualquer coisa, o que presenciou.

Você pode perguntar: Testemunha do quê? Você é testemunha do poder, da graça, da misericórdia de Deus, seu Pai autêntico; testemunha das Suas promessas, da Sua fidelidade, de que Ele realmente existe e faz diferença na sua vida.
E aí vem outra pergunta: Como podemos ser essa testemunha? Como vamos testemunhar que Deus existe e faz diferença em nossa vida?
É simples! Vivendo aquilo que Ele nos ensinou, cumprindo os Seus mandamentos, honrando-O em tudo, tendo prazer em estar com Ele.
Você gosta de falar do seu pai e da sua mãe? Sente-se honrado em ser seu filho? Conta as coisas boas que eles fazem para você? Elogia-os para seus amigos? Isso é dar testemunho, um bom testemunho. O bom testemunho fala das coisas boas que aprendemos, recebemos, vivemos. 
Como testemunhas vivas de Deus na Terra, vivendo em Seus princípios, temos uma vida diferente do mundo: não mentindo; não enganado os outros; não sendo desobediente; não tendo uma linguagem torpe; não nos vestindo como o mundo manda; não vendo filmes, desenhos, novelas, que venham a agredir a santidade de Deus em nós; não namorando escondido; não andando com brincadeiras ou conversas indecentes etc. Agindo assim, as pessoas verão em nós a diferença que faz quando caminhamos com nosso Pai.
Ou podemos dar um mau testemunho, fazendo tudo o que os outros fazem, esquecendo daquilo que Jesus nos ensinou. Quando um pai é chamado na escola para receber um boletim com notas baixas ou queixas do seu comportamento, ou a vizinhança reclama das suas atitudes, quando você não sabe se comportar educadamente no ônibus, na rua, em casa ou em qualquer lugar isso traz grande tristeza ao seu coração, pois todo pai ou mãe tem um sonho para o seu filho: vê-lo crescer próspero e abençoado em tudo.
Assim como seu pai na terra, seu Pai do céu tem também grandes sonhos para sua vida e quer vê-lo viver esses sonhos. Que tal experimentar o que seu Pai tem para você? Como filho legítimo, você tem o direito de viver esses sonhos, mas cabe a você decidir se quer ou não. 

Que tipo de testemunho você quer dar ao seu Pai? Você quer encher o seu coração de alegria e prazer em tê-lo como filho ou de tristeza e vergonha pela sua vida? Você decide. Mas, antes de decidir, lembre-se de que vale a pena ser testemunha fiel de um Pai tão maravilhoso, que é capaz de transformar até mesmo o seu pai na Terra em um pai amoroso, cuidadoso e amigo. Vamos lá! Você não vai se arrepender!
ATIVIDADES                                                                                                c
 





C3




PARABOLA DO SEMEADOR

REI JOSIAS







DIA DA BÍBLIA















terça-feira, 17 de abril de 2012

HISTORIA DO BAMBU


TEXTO:JOÃO 7.38
Objetivo Geral:
Consagração, Serviço
Material necessário:
Um bambu com alguns galhos,eo nós quebrados anteriormente,com exceção de um, que deverá ser quebrado na hora da mensagem.Uma jarra com água,alguns copos de plástico e um balde.

Ilustração




Mensagem:Vocês conhecem a história do bambu?Então vou lhes contar:Havia um bambu que queria ser usado para alguma coisa útil.Não queria ficar lá plantado balançando de um lado para o outro.Ele viu que do outro lado da estrada havia uma pequena fonte d'água e as pessoas passavam perto dela com muita sede,mas não conseguiam alcançá-la.O bambu então disse -"Puxa, eu poderia ajudar aquelas pessoas, trazendo a água para perto delas e assim elas teriam suas necessidades satisfeitas." Então, um lenhador chegou e o tirou de onde ele estava e o levou até aquela fonte. Aí a água começou a correr atrvés dele (pedir a ajuda de duas crianças ou um adulto e uma criança. Deixe o adulto levantar o bambu e a criança segurá-lo na outra ponta. Coloque um pouco da água da jarra, mas a água não passa).
o que está acontecendo? Qual é o problema? O problema estava na água? Não, o problema é que dentro do bambu havia uma parte dura, o nó do bambu,que não deixava a água passar, algo que ele tinha desde nascença.desde que ele havia nascido.Era alguma coisa que sempre estivera com ele.(Talvez o pregador queira falar do pecado original. O fato de que todos nós nascemos pecadores,com esta parte "dura" em nós). Aquele nó precisava ser quebrado.(neste momento o nó deve se quebrado,furado,usando-se um objeto duro como um cabo de vassoura ou uma chave de fenda por exemplo).
Ah, quando aquele nó foi quebrado doeu bastante. Mas aquilo precisou acontecer, caso contrário, a água não poderia correr através dele, e ele não poderia ajudar as pessoas.
Vamos tentar de novo. (Jogar a água e deixa-lá cair no balde na parte em que a criança está segurando). Viram, agora a água pode fluir livremente. o que nós podemos aprender com esta lição? Que Deus deseja nos usar,mas existem partes duras na gente que impedem que Deus atue atrvés de nós. Nós todos podemos ser instrumentos de Deus para ajudar as pessoas. Por isso precisamos estar ligados à fonte, ou seja a Deus. Mas, se há defeitos e problemas em nós, eles precisam ser quebrados.Quer exemplos do que pode fazer com que Deus não atue em nossas vidas ? O egoismo, coração endurecido,teimosia,nariz empinado, ou orgulho etc... todas estas coisas impedem que a água corra livremente. Isso impede que Deus atue através de nossas vidas. Você deseja que Jesus faça isto hoje na sua vida?

segunda-feira, 16 de abril de 2012

CHÁ DA COMUNHÃO



RECEPÇÃO



AVENTAL


LEMBRANCINHAS



 DECORAÇÃO





MESA DO CHÁ



 RECURSOS


MESA DE GULOSEIMAS

FAÇA VOCE TAMBÉM !!!

O chá da comunhão consiste em abrir os horizontes para Líderes de crianças, é um tarbalho lindo e muito proveitoso. E voce consegue realizar em sua igreja com o sua equipe, professores de Escola Bíblica, regentes, professores de cultos infantis, enfim todos que amam a obra infantil

ORGANIZAÇÃO!


a DECORAÇÃO com xicaras e bules grandes ficam um charme
a EQUIPE ORGANIZADORA caracterizada com avental e chapeu de mestre cuca, que nós mesmo confeccionamos em TNT e EVA
Foram distribuidos pastas decoradas feitas em papel cartão com lapis decorado, papel oficio e brindes para os participantes.
Dividimos o período de 3 horas entre dinamicas e ministrações.

VALE A PENA!
TODOS OS PASRTICIPANTES SAIRAM FELIZES!

Vou postar as dinamicas pra vcs ok